sábado, 7 de maio de 2016

O Emprego da Força Para Herdar o Reino

O Emprego da Força Para Herdar o Reino

24 de abril de 2016

Viamão-RS

Diógenes Dornelles

1 Coríntios 2:9-16
Mas, como está escrito: As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviu, E não subiram ao coração do homem, São as que Deus preparou para os que o amam. Mas Deus no-las revelou pelo Seu Espírito; porque o Espírito penetra todas as coisas, ainda as profundezas de Deus. Porque, qual dos homens sabe as coisas do homem, senão o espírito do homem, que nele está? Assim também ninguém sabe as coisas de Deus, senão o Espírito de Deus. Mas nós não recebemos o espírito do mundo, mas o Espírito que provém de Deus, para que pudéssemos conhecer o que nos é dado gratuitamente por Deus. As quais também falamos, não com palavras de sabedoria humana, mas com as que o Espírito Santo ensina, comparando as coisas espirituais com as espirituais. Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente. Mas o que é espiritual discerne bem tudo, e ele de ninguém é discernido. Porque, quem conheceu a mente do Senhor, para que possa instruí-lo? Mas nós temos a mente de Cristo.

Somente Deus Conhece a Si Mesmo

Paulo nos disse que não podemos compreender as coisas de Deus a menos que o Seu próprio Espírito esteja em nós e nos revele. E ele faz uma comparação muito simples, dizendo que assim como o homem conhece a si mesmo e, portanto, sabe falar daquilo que ele sabe acerca de si mesmo, da mesma forma somente Deus que conhece a Si mesmo, é que pode falar sobre esse conhecimento de Si mesmo e do Seu Reino. Mas se Deus colocar em Seus filhos o Seu Espírito, então eles poderão saber aquilo que pertence a Deus, porém apenas na medida em que Ele lhes permite saber.

Deuteronômio 29:29
As coisas encobertas pertencem ao Senhor nosso Deus, porém as reveladas nos pertencem a nós e a nossos filhos para sempre, para que cumpramos todas as palavras desta lei.

O Espírito do Mundo

Paulo também disse que nós não recebemos o espírito do mundo. João disse que o mundo está no maligno (1 João 5:19), que é Satanás, o que significa que o mundo está em submissão a ele, debaixo de seu poder; portanto o espírito do mundo não pode ser outro a não ser o dele. Este espírito também tem a sua própria unção, as suas próprias revelações, a sua própria sabedoria, o seu próprio conhecimento, e tal conhecimento é satisfatório para a mente do homem porque satisfaz a sua própria natureza e vontade. Satanás é quem domina sobre esse espírito do mundo, porque ele sabe como o homem pensa e é por essa razão que ele sempre consegue influenciar o mundo pecador, porque Satanás pensa e fala como o homem.

Certa vez quando Jesus disse aos Seus discípulos que convinha padecer nas mãos das autoridades de Jerusalém, Pedro repreendeu a Jesus dizendo para que tivesse compaixão de Si mesmo. Os discípulos não estavam preparados para aceitar a verdade dos fatos de que Deus sempre atua na simplicidade e que Jesus não conquistaria Roma como um grande rei Messias como estava sendo ensinado. Eles foram doutrinados pelos mestres daqueles dias de que Deus cumpriria as Suas Escrituras de uma determinada maneira, porém eles não sabiam que Deus tem a Sua maneira peculiar de fazer com que a Sua Palavra se cumpra e que o homem natural não consegue entender. Após Pedro ter resistido àquela Palavra de Jesus, qual foi a resposta que o Senhor lhe deu?

Mateus 16:23
Ele, porém, voltando-Se, disse a Pedro: Para trás de Mim, Satanás, que Me serves de escândalo; porque não compreendes as coisas que são de Deus, mas só as que são dos homens.

Jesus não estava chamando Pedro de “Satanás”. Não era para Pedro que Jesus estava Se dirigindo, mas para Satanás mesmo, o adversário e opositor do Reino de Deus, cujo espírito governa e instrui o mundo com sua sabedoria. Como dissemos, o espírito do mundo é o espírito do diabo, portanto a sabedoria do diabo e a sabedoria terrena do homem natural são a mesma.

A Sabedoria do Homem é Terrena, Animal e Diabólica

Tiago identificou a sabedoria do homem como terrena, animal e diabólica.

Tiago 3:15
Essa não é a sabedoria que vem do alto, mas é terrena, (porque é a sabedoria do homem) animal (A Bíblia só menciona um animal que teve sabedoria, e esse foi a serpente, o mais sagaz de todos os animais selváticos. E desde que os genes do homem se misturaram com este animal, a sabedoria de ambos também passaram a ter uma certa afinidade. Portanto a sabedoria animal do homem possui um parentesco com a sabedoria da serpente, a mesma que enganou a Eva com a sua astúcia, e todos hoje levam consigo os seus genes misturados. No grego a palavra é “psuchikos”, que se refere “ao principal da vida animal, o que os seres humanos têm em comum com os animais”, e uma das coisas que temos em comum com a serpente é a sua sabedoria; essa palavra também tem a ver com a “natureza sensual com sua dependência dos desejos e das paixões”, o que significa que esta sabedoria animal do homem está focada apenas nas coisas terrenas, na satisfação da sua própria vontade) e diabólica (porque a sabedoria do homem é a mesma sabedoria que o diabo possui).

Foi por isso que Jesus disse que Satanás só compreende as coisas que são dos homens. Em outra tradução da Bíblia diz: “Tu não cogitas das coisas de Deus, mas as do homem”. Essa palavra “compreendes” ou “cogitas” foi traduzida do grego “phroneo”, que significa ter um entendimento, ser sábio, sentir, pensar, ter uma opinião de si mesmo, pensar a respeito de si, pensar ou refletir sobre a própria opinião, ser do mesmo pensamento, concordar e compartilhar os mesmos pontos de vista, cuidar dos próprios interesses ou vantagens, ser do partido de alguém.

Isso significa que Satanás pensa como o homem e da mesma maneira o homem pensa como Satanás. Portanto Satanás consegue enganar o homem com sua sabedoria porque ele sabe pensar como um homem, cogitar como um homem; ele compartilha das mesmas opiniões do homem, o diabo sabe como o homem se sente devido a essa afinidade entre ambos, e é por essa razão que podemos dizer que o diabo sente e age como um homem, porque existe uma grande afinidade entre o sentir e o desejar do homem com o sentir e o desejar do diabo. O próprio vocabulário que o diabo usa é o mesmo usado pelo homem.

A Sabedoria Que Vem de Deus

É por isso que Deus disse em Sua Palavra que os Seus pensamentos são muito mais elevados que os nossos, porque os pensamentos do homem natural são malignos.

Isaías 55:6-11
Buscai ao Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto. Deixe o ímpio o seu caminho, e o homem maligno os seus pensamentos, (porque nós já entendemos que o pensamento do homem maligno é terreno, animal e diabólico, exatamente como o de Satanás) e se converta ao Senhor, que se compadecerá dele; torne para o nosso Deus, porque grandioso é em perdoar. Porque os Meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos os Meus caminhos, diz o Senhor. Porque assim como os céus são mais altos do que a terra, assim são os Meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os Meus pensamentos mais altos do que os vossos pensamentos. Porque, assim como desce a chuva e a neve dos céus, e para lá não tornam, mas regam a terra, e a fazem produzir, e brotar, e dar semente ao semeador, e pão ao que come, assim será a Minha Palavra, que sair da Minha boca; ela não voltará para Mim vazia, antes fará o que Me apraz, e prosperará naquilo para que a enviei.

Então se Paulo disse que temos o Espírito que provém de Deus, precisamos igualmente pensar como Deus, cogitar como Deus, sentir como Deus e agir como Deus, pois como disse Paulo, se alguém não tiver o Espírito Santo de Deus como ele poderá compreender as coisas de Deus?

O irmão Branham disse que a forma como o Espírito Santo hoje está Se manifestando na Noiva é por meio de um Sinal, e a menos que alguém tenha este Sinal, não compreenderá as coisas que estão se passando neste tempo do fim, porque somente este Sinal ou o Espírito Santo é que revela as coisas de Deus. Elas são simples e humildes e facilmente ignoradas por muitos.

Desesperos (01/09/1963) § 32
Eu verdadeiramente creio que estamos à margem de uma das coisas mais poderosas que já atingiu a terra desde os dias do Senhor Jesus. (Por quê? Porque esta Mensagem é o Alarido que está pondo uma Igreja em ordem para o Arrebatamento. Os cristãos de todas as eras ansiaram por estes dias que estamos vivendo agora) Está vendo? Está vendo? Porém agora podemos somente ser conhecidos como... Será tão humilde. Está vendo? Veja, o que o homem chama de poderoso, Deus chama de “abominação.” Porém o que o homem chama de loucura, Deus chama de “poderoso.” Está vendo? Então agora observe isto, veja, será tão humilde que você nunca perderá... que você perderá de ver se você não tiver o Sinal ali para examinar isto, veja. Está vendo?

Mas como foi dito em Isaías, a menos que o homem abandone os seus próprios pensamentos, que são malignos, estas coisas continuarão veladas para os seus olhos e seu entendimento. O filho de Deus precisa de fato morrer para os seus próprios pensamentos, porque do contrário ele estará falando e pensando como Pedro, que reagiu contrário a Jesus porque o que foi dito não fazia sentido para ele. Na verdade nada do que Deus diz faz sentido para a mente humana, e o que mais nós temos são pessoas tentando fazer tudo ter algum sentido, ao criar doutrinas que possam acomodar a Palavra de Deus de forma mais razoável à sua mente. Mas se temos o Espírito e a mente de Cristo devemos então pensar da maneira de Cristo.

Água da Separação (21/01/1955) § 27 – [sem tradução]
É uma questão individual, e não de grupos de pessoas. Mas é para você como um indivíduo, que você mesmo, como um único ser humano possa, observe, possa abandonar os seus próprios pensamentos. Enquanto você tiver os teus próprios pensamentos, os teus próprios caminhos, os teus caminhos são contrários aos caminhos de Deus. E você não pode estar certo e pensar os teus próprios pensamentos, pois você tem que morrer para os teus próprios pensamentos. Sabia disso? Teus pensamentos, enquanto você olha para eles, você olha para isso materialmente; você diz: “Oh, bem, isso não pode acontecer. Isso simplesmente não é razoável. Não é sensato pensar uma coisa dessas”. Enquanto você fizer isso, você ficará na sua mesma condição. Você chega a um ponto onde você não pode pensar os teus caminhos, mas você vem a Cristo e pensa da Sua maneira de pensar. Aceite a Palavra Dele. Então as coisas começam a tomar uma forma diferente. Porque você está morto e sua vida está escondida em Deus através de Cristo e selada pelo Espírito Santo. Romanos 8:1: “Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne (o que a carne diz), mas andam segundo o Espírito.

Deus Escolhe Homens Comuns

Então se Deus é revelado na simplicidade, Ele somente pode ser aceito pelos simples porque Deus sempre escolheu homens comuns para falar de Sua Palavra e fazer a Sua obra.

O Terceiro Selo (20/03/1963) §§ 51-54
Estudamos tudo isso, e mostramos como falharam em ver João, como falharam em ver Elias, como falharam em ver Jesus, como falharam em vê-los o tempo todo. E farão a mesma coisa, porque a Bíblia disse que fariam. Está vendo? Deste modo, nesse tempo, será muito humilde. Será tão simples. Irá… o que fará as pessoas se afastarem Disto. É simples demais para elas. Nós verificamos, e sempre, que quando as pessoas se tornam inteligentes e instruídas, e sabem muito, então elas simplesmente… Esse é justamente o tipo que falha em ver, você sabe. Está vendo? Jesus nunca escolheu pessoas desse tipo para serem Seus discípulos. Ele escolheu pessoas sem letras, pescadores, e ninguém estava ligado às suas igrejas e coisas mais. Ele simplesmente escolheu homens comuns, cobradores de impostos, e lavradores, e pescadores, e assim por diante, para fazerem Sua obra. Está vendo? Porque, eles - eles sabem que não são nada, então Ele pode torná-los em algo, veja. Contanto que continuem pensando que não são nada, então Deus pode operar. Mas quando começam a pensar que sabem alguma coisa, então “você não sabe nada que devia saber,” a Bíblia diz. E assim, então, nós - nós vemos que é assim. E agora, verificamos, então, que esses mistérios devem ser revelados.

Mas não se esqueça que Pedro era um desses homens simples que Deus escolheu e que mesmo assim arrazoou com Jesus. Pedro naqueles dias até havia recebido uma medida da unção do Espírito Santo para realizar curas e expulsar demônios, porém ainda lhe faltava a fé revelada que só o Espírito Santo que conhece a mente de Deus pode dar.

Deus Não Faz Nada Contrário à Sua Palavra

Deus faz a Sua Palavra Se cumprir de uma forma tão humilde que é algo inesperado, mesmo para aqueles que são tementes a Deus e que esperam Nele. Muitas profecias da Bíblia que se cumpriram, não foram sequer imaginadas sobre a forma como elas ocorreriam. Depois que elas aconteceram podemos hoje facilmente dizer como Deus cumpriu a Sua Palavra. A lição que aprendemos com isso é de que a fé nos ensina a esperar. Sabemos que Deus fará algo, porém não sabemos como e nem de que maneira Ele fará, embora essa mesma fé nos ajude a identificar a Deus, o Seu tempo e o que Ele está fazendo. Sabemos que haverá uma Voz de arcanjo para ressuscitar os santos, embora não sabemos como Ele o fará; sabemos que haverá um arrebatamento da Noiva glorificada, porém não sabemos como e quando será; sabemos que no Reino do nosso Pai há vários palácios, mas cabe apenas a Ele decidir como irá nos acomodar. Tudo isso é uma revelação espiritual dada aos simples e humildes. Deus pode até fazer algo que pareça contrário à nossa maneira humana de pensar, porém certamente que Ele não fará nada que seja contrário à Sua Palavra.

Orgulho (07/08/1955) § 10
Agora, como eu estava dizendo, o Espírito Santo escreveu a Bíblia, e está escrita de tal maneira, que não há nenhuma maneira de modo algum para o homem em sua concepção mental entender o que é. Não importa quão bem você tenha isso escrito, quão bem você possa combinar, isso está errado para começar. Vê? Porque Ele escondeu isso aos olhos dos sábios e entendidos, e é uma revelação espiritual. Olhe para os fariseus e os saduceus dos dias de nosso Senhor Jesus, como que eles tinham tudo planejado apenas para o ponto em que Cristo viria e tudo mais, e quando Ele veio, Ele veio ao contrário do que eles haviam imaginado, só para mostrar que Ele é Deus. E foi... Ele não veio contrário às Escrituras, Ele veio contrário à concepção que eles tinham da Escritura. Mas Ele veio exatamente do jeito que a Escritura disse, exatamente.

Os Religiosos Só Aceitam a Deus da Maneira Como Eles Determinam

Os judeus não aceitaram Jesus como o Messias porque eles já tinham tudo planejado sobre como deveria ser, e nas suas mentes Deus estava obrigado a fazer exatamente da maneira como eles entendiam que deveria ser feito. Sua arrogância e falta de humildade para reconsiderar suas teologias, lhes forçaram a crucificar a Palavra feito carne. E hoje tudo se repete. A grande dificuldade da Palavra de Deus ser aceita hoje é por causa do orgulho do homem. Eles não são humildes o suficiente para aceitar a doutrina da maneira como o Espírito Santo ensina, mas eles querem que seja de uma maneira que satisfaça a eles mesmos, que seja do gosto deles. O irmão Branham disse que eles já planejaram em suas mentes como que a Palavra de Deus deve ser interpretada, portanto qualquer coisa que for dito dessa Palavra que não se enquadra da maneira como eles A imaginam, não terá nenhum efeito sobre suas vidas, e assim, se a Palavra for dita da maneira como Deus mesmo ensina, para eles isso não veio de Deus, porque não veio do canal que eles falsamente o tem como vindicado. Mais uma vez o irmão Branham irá nos dizer que Deus nunca é aceito na Sua simplicidade na qual os orgulhosos sempre falham em vê-la.

O Mundo Está Caindo aos Pedaços (12/04/1963) § 54 – [Sem tradução]
O mundo religioso depois foi à procura de um Messias prometido. Todos os judeus diriam a você, crentes muito firmes: “Claro, temos estado por quatro mil anos procurando por um Messias, e nós cremos que Ele está vindo. Certamente, nós cremos nisso”. O mundo político daquele dia estava procurando por um Messias, e todas as demais nações, cada uma, estavam procurando pelo Messias. E quando Ele veio, eles fizeram a Ele exatamente como eles fizeram em outros momentos. Eles estavam à procura de algo para mantê-los juntos nos dias de Noé. E quando Deus lhes enviou um mensageiro, o que aconteceu? Eles rejeitaram. E buscando por isso em todas as eras. É dessa maneira que isso acontece. Eles só... Deus envia isso a eles, e então eles apenas... eles desprezam isso. Ora, mas por quê? Isso não atende ao gosto deles. Vê? Eles não querem isso da maneira que Deus o quer enviar. Eles querem isso da maneira como eles querem. Eles têm tudo planejado da maneira como deve ser, e se isso não vem dessa maneira, então não é de Deus. Vê? É dessa maneira que sempre foi.

Mas os simples e mansos aceitam a Palavra de Deus e confiam Nele. Deus tem tudo planejado para nós. Basta confiarmos Nele e seguirmos em frente.

Colocando Toda a Armadura de Deus (07/06/1962) § 22 [Sem tradução]
Eles simplesmente não entendem isso. Sim, construindo enormes estradas e super coisas assim e tentam tornar a terra um lugar melhor e assim por diante; eles não entendem que os mansos a herdarão. Então aí está você. Então apenas... Veja, Deus tem tudo planejado para nós. Essa é a única coisa que temos que fazer, que é simplesmente agarrar-se Nele e seguir em frente, se estiverem todos crendo. Isso é tudo o que Ele nos pediu para fazer. Ele nos levará do início ao fim.

2 Crônicas 34:27
Porquanto o teu coração se enterneceu, e te humilhaste perante Deus, ouvindo as suas palavras contra este lugar, e contra os seus habitantes, e te humilhaste perante Mim, e rasgaste as tuas vestes, e choraste perante Mim, também Eu te ouvi, diz o Senhor.

É Preciso Humilhar-se Para Conhecer a Deus

Se Deus somente pode ser conhecido na simplicidade, então é necessário sermos simples para poder conhecê-Lo. Nós precisamos nos humilhar e abandonar nossas própria ideias e interpretações se quisermos realmente conhecer a Deus, do contrário o Deus que alegamos conhecer será um deus falso inventado pelo nosso próprio intelecto, e que portanto não existe.

Jesus Cristo é o Mesmo (04/06/1963) § 112 [Sem tradução]
Mas sabe, Ele nem sempre vem da maneira como pensamos que Ele vem. Vê? Ele vem tão humilde. As pessoas têm tudo planejado do jeito que querem que Ele venha. E nós – nós andamos em humildade, e aí é onde você encontra Deus. Os cientistas hoje podem enviar um homem ao espaço, em uma órbita, e caminhar por cima de uma folha de grama da qual ele nada conhece. Vê? Oh, você tem que se humilhar para conhecer a Deus. Você tem que se livrar de suas próprias ideias e simplesmente abrir o seu coração e a vida para Ele, então Ele Se tornará conhecido.

A fé genuína é tão simples que passa despercebida por muitos.

Identificação (16/02/1964) § 201
Agora, às vezes a fé é desconhecida para você. Você a tem e você nem sabe disso. Se você tentar empurrar-se em alguma coisa, você a perde. Você passa por cima dela de tão humilde e simples. Vê?

Ou seja, alguns chegam a obter a fé correta e depois a perdem por buscar por outras coisas. Mas nós já sabemos por que. O homem já determinou em sua mente segundo a sua sabedoria o que é aceitável ou não é; o que é Deus e o que não é. A sua soberba lhes impede de aceitar a Palavra de Deus e isso os leva à ruína.

Mateus 23:12
E todo aquele que se exaltar será humilhado; e aquele que se humilhar será exaltado.

O Ministério da Hora Será Humilde

Portanto se Deus Se revela na humildade e somente para os símplices, então o ministério que a Noiva terá nestes últimos dias também deverá ser simples e humilde.

Perguntas e Respostas Sobre os Selos (24/03/1963) 233
Pergunta 22. A Noiva de Cristo teria… A Noiva de Cristo teria um ministério antes do Arrebatamento?
Com certeza. É isso o que está ocorrendo agora mesmo, veja, a Noiva de Cristo. Certamente. É a Mensagem da hora, veja, a Noiva de Cristo. Com certeza. Ela consiste de apóstolos, profetas, doutores, evangelistas, e pastores. Está certo? [A congregação diz: “Amém.”—Ed.] Essa é a Noiva de Cristo. Com certeza. Ela tem um ministério, grande ministério, o ministério da hora. Será tão humilde.

Então este ministério humilde e simples da Noiva não será visto nos lugares finos e requintados, mas onde um povo simples e humilde estiver reunido para aprender a Palavra de Deus.

A Presença de Deus Não Reconhecida (18/06/1964) § 42
A igreja hoje está tentando se igualar a Hollywood. Cristo não está em Hollywood. Cristo está no indivíduo. Hollywood brilha, enquanto o Evangelho resplandece com humildade. Deus não está nestes grandes lugares finos e extravagantes e toda esta bobagem que vemos. Ele vem em humildade, em forma de mansidão e suavidade, passa sem ser notado.  E se está familiarizado com a Palavra, você verá Isto.

Emprega-se Força Para Entrar no Reino

Então como vimos até aqui, ninguém pode compreender a Deus por sua própria sabedoria que é terrena e maligna, mas somente pela sabedoria que Deus mesmo nos dá por intermédio do Seu Espírito. A necessidade de se morrer para as próprias ideias e pensamentos sobre o que a Palavra de Deus diz exige um grande esforço por parte de cada filho de Deus, principalmente nestes dias onde existem tantas vozes para ofuscar a Voz de Deus. Foi por isso que o irmão Branham ao citar certa vez Lucas 16:16 disse que hoje é necessário empregar uma grande força para se entrar no reino de Deus.

Desesperos (01/09/1963) § 43
“A lei e os profetas duraram até João; desde então é anunciado o reino de Deus, e todo o homem emprega força para entrar nele”. “Todo o homem emprega força para entrar Nele.” (Não simplesmente entra nele facilmente, porém tem de empregar força para entrar Nele. Vê?) Agora, “Quando Me buscardes de todo o vosso coração, então Eu serei encontrado.”

“Empregar força” vem do grego “biazo”, que quer dizer “usar a violência”, “aplicar a força”, “forçar”, “infligir violência em”. Agora, “usar de violência” dá a impressão de que Jesus havia dito que o Reino de Deus pode ser tomado pela violência e pela força física, mas não era isso que Jesus estava dizendo. Ele estava dizendo que o reino de Deus está sendo pregado, e que cada um deve se esforçar para entrar nele. Paulo também ensinava isso, dizendo que há um grande prêmio para os que não desistem mas que sempre mantêm o seu alvo.

Filipenses 3:14
Prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus.

Nosso Pior Inimigo Somos Nós Mesmos

Agora, o que nós entendemos é que esse processo de entrar no reino aplicando o uso de uma força fala de um aperto pelo qual devemos passar. O irmão Branham não está falando de um aperto financeiro, mas é sobre todo o tipo de oposição que podemos enfrentar. Antes de pensar que Satanás seja nosso pior inimigo, não podemos nos esquecer de que nós somos inimigos de nós mesmos. Na verdade nós somos o nosso pior inimigo, portanto antes de Satanás, o primeiro inimigo que temos de vencer é a nós mesmos. Enquanto não pudermos vencer a nós mesmos jamais poderemos vencer a Satanás, porque todo o nosso conhecimento precisa ser posto por terra se quisermos conhecer a Deus.

A Separação da Incredulidade (28/02/1955) § 28 [Sem tradução]
Ora, você não pode conhecer a Deus pelo conhecimento. É impossível. Você tem... Pela graça sois salvos, mediante a fé. Basta crer no Senhor Jesus Cristo. É dessa maneira que você O conhece, e não por todas as suas palavras astutas; isso leva você para longe de Deus. Quanto mais você sabe e mais você estuda e tenta descobrir sobre isso, menos você sabe. (Veja que para o irmão Branham o “emprego da força” de Lucas 16:16 nada tem a ver com estudar muito. Porém é assim que o homem natural pensa. Sua sabedoria terrena, animal e diabólica lhe convencerá que quanto mais você estudar mais você conhecerá a Deus, quando tudo que você precisa fazer é simplesmente sair do caminho e morrer para si mesmo. É ser humilde e manso, e então você verá a Deus) Pare de estudar e de deduzir isso; apenas descanse e creia. Eu costumava pregar lá na igreja batista um pequeno sermão; eu chamava de “Descanse e Deixe Deus Agir”. Isso mesmo. Apenas descanse e deixe Deus agir; enquanto você se meter nisso, não há maneira alguma. Você sabia que o maior inimigo que eu tenho é William Branham? Ele está sempre no caminho de Deus. Se eu conseguir tirá-lo do caminho, então Deus poderá fazer a obra. O seu pior inimigo é você mesmo. Basta sair do caminho e então Deus pode ir ao trabalho. Agora, tenha cuidado com quem você se associa quando você sair lá fora e ficar em meio ao povo, e este começa a dizer a você isto e este aquilo. Então você se confunde todo; você não sabe no que você crê.

Ou seja, quanto mais vozes diferentes você ouvir, menos você irá crer. O irmão Branham não nega a importância de se estudar a Palavra, mas o que ele está querendo nos dizer, é que antes de fazermos qualquer coisa precisamos avaliar nossos motivos e objetivos. Quando avaliamos o que nos leva a fazer as coisas que fazemos, podemos então identificar tudo aquilo que poderia nos atrapalhar e nos impedir de conhecermos a Deus. Se fizermos qualquer coisa por presunção ou orgulho, o estudo só nos deixará ainda mais orgulhosos, e Deus só pode se revelar aos humildes. E veja que além de você, o irmão Branham disse que as pessoas a quem você ouve também podem te confundir. E quanto mais você estudar mais confuso você ficará. Quanto mais vozes você der ouvidos mais distante você estará da Voz de Deus.

Quando eu era militar eu gostava de ler todos os tipos de livros que estivessem ao meu alcance. Naquele tempo, no início dos anos 90, não existia ainda a internet, então eu comprava muitos livros e assistia muitas fitas de VHS. Estudava sobre todas as correntes filosóficas e religiosas possíveis. Eu queria adquirir todo o tipo de informação que eu achava necessário. Também foi no tempo de militar que eu recebi a Jesus Cristo e ingressei a uma igreja pentecostal, mas mesmo assim eu sempre continuava buscando por informação e instrução. E o irmão Branham disse que a instrução é o pior inimigo do evangelho.

Um Maior do Que Salmão Está Aqui (25/07/1962) § 40 [Sem tradução]
A educação é o pior inimigo que o Evangelho já teve.

Mas eu sempre buscava pelo conhecimento. E eu estudava também todos os tipos de religiões, mesmo depois de ser um cristão. Eu fui por algum tempo bastante influenciado por um ditado chinês que dizia: “Um homem de mente ampla consegue ver um pouco de verdade nas diferentes religiões, mas o homem de mente estreita vê apenas as diferenças”. Isso me influenciou por um bom tempo e por causa disso, eu estudava as várias religiões tentando tirar algo de proveio em cada uma delas. O resultado disso é que eu comecei aos poucos a duvidar da própria Palavra de Deus, e eu só consegui me voltar para Deus inteiramente quando parei com aquelas leituras e pesquisas e pela busca da informação.

Porém hoje eu já tenho visto alguns irmãos, até mesmo da Mensagem, defendendo um pensamento parecido com aquele ditado chinês, usando neste caso as palavras de Paulo: “Julgai todas as coisas, retende o que é bom”. (1 Tessalonicenses 5:21) Então eu já vi irmãos dizendo que tenta ouvir a todos os tipos de ministros que existem nesta Mensagem a fim de tentar tirar proveito de cada coisa boa que eles pudessem dizer. Porém isso que alguns estão dizendo é tão enganoso, quanto aquele provérbio chinês foi para mim no passado. Se você for ouvir a tudo que os ministros dessa Mensagem estão ensinando, você irá se afastar de Deus ao invés de se aproximar Dele.

O Corvo e a Pomba

O irmão Branham comparava as pessoas que estudavam de tudo e que iam para todos os lugares em busca de informação a corvos. Eles conseguem comer de tudo, até mesmo a própria comida que a pomba come, porém a pomba não pode comer tudo que um corvo consegue comer. Ela já conhece qual o tipo de ração que lhe faz bem, portanto ela não vê a necessidade de buscar por outra.

A Igreja e Sua Condição (5/08/1956) §§ 27-28
Agora, o corvo poderia se sentar aqui e comer sobre uma carcaça morta. Você nunca verá a pomba ao redor dessa carcaça morta. Ela não pode suportar isto. O mau cheiro daquilo em seu nariz, ela não poderia suportar aquilo. Isso a deixaria enferma. Elas simplesmente não podem suportar qualquer coisa que esteja deteriorando, podre. Elas não podem suportar isto, sendo assim, ela não poderia comer aquilo. Se ela comesse, aquilo mataria imediatamente a pomba, porque o que digere a comida é o derramamento do fel dentro do estômago o qual digere a comida. E se não há fel para ir ali dentro para preparar isto, então aquilo mataria a pomba. Desta forma você sempre encontrará a pomba ao redor de um lugar aonde há algo limpo, algo que é sadio. Agora, o corvo é diferente. Agora, somente note o corvo sendo um tipo do hipócrita. O corvo pode sentar ali sobre a - sobre a carcaça morta e comer simplesmente tanto quanto ele deseja, e voa imediatamente para o campo e come trigo, também. Porém a pomba não pode comer trigo e então voar sobre a carcaça morta.

Quando lemos essas palavras do irmão Branham com a aplicação espiritual que ele tenta nos passar, chegamos à conclusão de que existem muitos corvos também nesta Mensagem, buscando por uma carcaça deteriorada e putrefata, como a doutrina denominacional unicista, por exemplo. Nós já provamos suficientemente que o unicismo é uma doutrina que já nasceu morta, por isso nem foi preciso matá-la. Temos demonstrado através de várias ministrações que o irmão Branham não era unicista e nunca ensinou tal doutrina, porém ainda vemos pessoas agindo como corvos teimando em alimentar-se das carcaças mortas do unicismo. Outros ainda andam em busca por um novo profeta, um outro mensageiro supostamente precursado pelo irmão Branham. Enfim, há pessoas que ouvem de tudo, e buscam aprender de tudo que os vários ministros têm ensinado. Porém tudo isso não passa de imundícia onde os corvos alegremente conseguem ter os seus avivamentos. Mas a pomba só habita em lugares limpos. Ela não se suja com essas coisas. Ela não consegue comer o mesmo que os corvos comem. Elas não saem em busca de novidades. Elas já têm o que precisam, pois tudo que ela precisou fazer foi se aquietar, sair do caminho e deixar Deus falar. Essa é a força a ser empregada para se entrar no reino.

Então quando vejo alguém dizendo que consegue ouvir a todos e tirar algo de proveito de cada um deles, ele na verdade estará agindo como um corvo que consegue comer de tudo, porém uma pomba não consegue ter essa mesma versatilidade de degustação sem ter uma má digestão. Lembre-se novamente do que o irmão Branham disse:

“Tenha cuidado com quem você se associa quando você sair lá fora e ficar em meio ao povo, e este começa a dizer a você isto e este aquilo. Então você se confunde todo; você não sabe no que você crê”.

As Pressões de Um Cristão

No estudo anterior onde tratamos sobre “Os Empecilhos Para a Plena Adoção”, nós citamos o irmão Branham falando sobre as pressões a que um cristão é submetido, e de que ele precisa ser pressurizado por Deus para suportar o que o mundo impõe sobre ele. Também devemos nos lembrar de que o irmão Branham disse que aqueles que possuem o espírito de corvo que tentam tirar proveito de todo o tipo de alimento que é oferecido, não tem condições de resistir às pressões das quais um cristão está sujeito.

O Quarto Selo (21/03/1963) §§ 149-150
Mas deixe um corvo tentar voar com uma águia, ou um falcão, qualquer dos dois, ele se desintegraria. Ele tem de ser pressurizado para onde vai. Esse é o problema hoje, alguns de nós não somos pressurizados. Nós explodimos rápido demais, veja, quando estamos dando pulos. Mas temos de ser pressurizados.

Quem possui esse espírito não consegue ficar muito tempo no mesmo lugar, pois está sempre á procura de algo novo. Ele também desiste fácil; não possui força suficiente para empregar força a fim de entrar no reino. Paulo mencionou as inúmeras pressões que eles passaram quando estiveram na Ásia, das quais não conseguiam sequer suportar, mas Deus lhes deu o livramento em todas elas.

2 Coríntios 1:8
Porque não queremos, irmãos, que ignoreis a tribulação que nos sobreveio na Ásia, pois que fomos sobremaneira agravados mais do que podíamos suportar, de modo tal que até da vida desesperamos.

Esse é o emprego da força da qual Jesus Se referia sem a qual não podemos entrar no reino. O Filho de Deus deve estar sujeito a resistir a todo o tipo de luta, pressão, problemas, enfermidades, perseguição e mentiras, se quiser entrar no Reino.

Mateus 5:10-12
Bem-aventurados os que sofrem perseguição por causa da justiça, porque deles é o reino dos céus; bem-aventurados sois vós, quando vos injuriarem e perseguirem e, mentindo, disserem todo o mal contra vós por minha causa. Exultai e alegrai-vos, porque é grande o vosso galardão nos céus; porque assim perseguiram os profetas que foram antes de vós.

A Corrida Pela Herança

Como vimos no nosso último estudo, o irmão Branham disse que após alguém nascer de novo, ele precisa como um filho de Deus passar por provas a fim de moldar o seu caráter até que ele se torne o tipo certo de filho para assumir todos os seus privilégios como herdeiro. O irmão Branham disse que muitos mesmo sendo filhos, não receberiam a herança porque pensavam que só porque eles tinham os dons do Espírito Santo isso era tudo que eles precisavam. Esse foi o erro que todos os crentes de cada era da igreja cometiam; após obter a luz da Palavra para o seu dia pensavam que isso já era o suficiente e não prosseguiam mais adiante.

Tempo de Colheita (12/12/1964) §§ 175-176
Vocês pentecostais, não prestem atenção ao metodista, batista ou presbiteriano. Vocês conheceram Aquilo que era para cada geração, e vocês empregaram esforço para isso. Certamente. Agora, simplesmente não parem de empregar esforço bem aí. Simplesmente continuem pressionando. Vê? Foi aí onde os metodistas cometeram os seus erros; eles empregaram esforço na santificação, mas pararam. O luterano empregou esforço na justificação e pararam. Veja, então se organizou e aí ele morre. É o fim disso. Isso é tudo.

Alguns chegam até mesmo a um conhecimento doutrinário sobre uma determinada questão, mas param nisso e não seguem adiante.

As Provas Nos Aperfeiçoam Para a Sua Glória

E agora a Noiva deste dia deve empregar esforço para entrar no Arrebatamento, suportando as pressões que o próprio Deus permite que lhe sobrevenha para aprimorar o seu caráter.

Eu Sei (17/04/1960) § 28, 43-44
Está escrito em uma das Escrituras na Bíblia, que: “As provas que vêm sobre nós, são mais preciosas do que o próprio ouro, pois é Deus nos dando estas provas.” Depois que nos tornamos Sua propriedade, nossa confissão e nosso batismo, ou nossa promessa para andarmos em vida para Ele, então cada prova que vem sobre nós é para nos aperfeiçoar para a Sua glória. É para nos trazer a um lugar onde Deus possa Se tornar mais real para nós do que Ele já era antes da prova vir. (...) E por que Deus permite que os problemas apareçam? Deus arreia o problema, coloca freio em sua boca, e faz com que ele O obedeça, e aqueles problemas nos trazem a um companheirismo mais íntimo com Deus. Não existia nenhum arco-íris até o dilúvio chegar. Mas depois que Noé passou por aquela condição que ele passou, flutuando quarenta dias e noites em uma tempestade e a pequena arca sendo arremessada para cima e para baixo na água, foi depois que o dilúvio acabou que ele viu um arco-íris pela primeira vez, o pacto da esperança, o pacto da promessa. Depois dele ter passado pela tribulação, então ele viu a promessa.

Às vezes as pessoas somente se voltam para Deus quando os problemas e lutas aparecem para lhes pressionar. O irmão Branham disse que seria muito bom as pessoas se voltarem para Deus sem isso ter que acontecer.

Pensando em Nossos Caminhos (06/07/1959) § 14 [Sem tradução]
E é uma pena que nós temos de ser pressionados em lugares para nos fazer aceitar isso. Que inimigo temos. Sim, um arquiinimigo. E é bom voltar para o Senhor antes que estes problemas ataquem. Agora, na maior parte do tempo, são os problemas que fazem com que as pessoas venham para o Senhor. Mas nós devemos vir antes que elas ataquem.

Então é Deus que nos dá as provas para que a Sua glória, a Sua doxa, Seus juízos e opiniões possam ser refletidos em nós. Mas somente as águias de Deus é que podem refletir a Sua glória; os corvos jamais conseguirão fazer isso. Como já dissemos, os corvos tentam copiar essa glória, tentam viver uma vida cristã, mas só o que eles fazem é personificar e copiar isso, e a menos que Cristo viva em alguém ele não poderá manifestar Sua Vida através dele. Aqueles onde o Selo da Vida do Espírito Santo Se manifesta, tornam-se exemplos do cristianismo, tanto na aparência, na fala e nas ações. São para estes que Paulo se referia quando disse: “Quem intentará acusação contra os eleitos de Deus? É Deus Quem os justifica”.

Um Estandarte (19/01/1962) §§ 139-140
Agora, hoje, Deus tem um Selo, e é pena de morte copiar esse Selo. Escutem, vocês luteranos, metodistas, batistas, presbiterianos e pentecostais, não tentem copiá-Lo. Aquiete-se, e Deus O colocará em você. E então você será um estandarte, um exemplo do cristianismo, e de masculinidade e feminilidade. O selo do Espírito Santo, o estandarte de Deus, impresso em você até que você pareça, atue, caminhe, fale o Evangelho por onde quer que vá. Ninguém pode apontar o dedo para você. Isso mesmo.

Então um filho provado é aquele que não personifica o cristianismo; ele se afasta de todo o substituto que lhe é apresentado para a Palavra andando no caminho do meio para longe dos ismos.

Eu Sou a Ressurreição e a Vida (10/08/1952) § 8 – [sem tradução]
Tudo que Deus tem feito, o diabo fez um substituto para isso, fez algo falso. (Isso porque ele é um personificador, um imitador) Vê? E essa é a razão pela qual os dois espíritos nos últimos dias vêm bem juntos, ao serem formais e fundamentais até que eles perdem o Espírito completamente (Vê?), assim. E alguns deles no lado radical vão direto para os ismos com isso, mas bem no meio do caminho fica a verdadeira Igreja de Deus, posicionada e cheia do poder de Deus. Aí é onde ela está.

Conclusão

O Livro das Sete Eras – pág. 97
Mas Deus disse que Seu amor era amor “eletivo”. A prova do Seu amor é a ELEIÇÃO - visto que não importava o que acontecesse, Seu amor era verdadeiramente comprovado pelo fato deles terem sido elegidos para a salvação (por vos ter Deus elegido para a salvação, em santificação do Espírito, e fé da verdade). Ele pode entregar você à morte como fez com Paulo. Ele pode entregar você ao sofrimento como fez com Jó. Essa é prerrogativa Dele. Ele é soberano. Mas tudo é com um propósito. Se Ele não tivesse um propósito, então Ele seria o autor da frustração e não da paz. Seu propósito é que após termos sofrido um pouco fôssemos aperfeiçoados, confirmados, fortalecidos e firmados. Como disse Jó: “Ele cuida de nós.” (Jó 23:6b) Veja você, Ele próprio padeceu. Ele aprendeu a obedecer por aquilo que padeceu. Ele verdadeiramente foi aperfeiçoado por aquilo que padeceu. Heb. 5:8-9: “Ainda que era Filho, aprendeu a obediência, por aquilo que padeceu. E, sendo Ele aperfeiçoado, veio a ser a causa de eterna salvação para todos os que Lhe obedecem.” Em linguagem clara, o próprio caráter de Jesus foi aperfeiçoado pelo sofrimento. E de acordo com Paulo Ele deixou para Sua igreja uma medida de sofrimento para que eles, também, por meio de sua fé em Deus enquanto padecendo por Ele, chegassem a um lugar de perfeição. Por que Ele quis isto? Tiago 1:2-4: “Meus irmãos, tende grande gozo quando cairdes em várias tentações: sabendo que a prova da vossa fé obra a paciência. Tenha, porém, a paciência a sua obra perfeita, para que sejais perfeitos e completos, sem faltar em coisa alguma.” Por que Ele fica de lado? A razão encontra-se em Romanos 8:17-18: “E, se nós somos filhos, somos logo herdeiros também, herdeiros de Deus e co-herdeiros de Cristo: se é certo que com Ele padecemos, para que também com Ele sejamos glorificados. Porque para mim tenho por certo que as aflições deste tempo presente não são para comparar com a glória que em nós há de ser revelada.” A menos que padeçamos com Ele, não podemos reinar com Ele. Você tem que padecer para reinar. A razão disto é que o caráter simplesmente nunca é formado sem sofrimento. O caráter é uma VITÓRIA, não um dom. Um homem sem caráter não pode reinar, porque o poder sem o caráter é satânico. Porém o poder com o caráter é apto para governar. E uma vez que Ele quer compartilhar conosco até o Seu trono na mesma base em que Ele venceu e está assentado no trono de Seu Pai, então nós temos que vencer para nos assentarmos com Ele. E a pequena aflição temporária que sofremos agora não é para comparar com a tremenda glória que em nós há de ser revelada quando Ele vier. Oh, que tesouros estão armazenados para aqueles que estão dispostos a entrar em Seu reino através de muita tribulação.

Esse é o esforço, portanto, que cada filho e filha de Deus deve empregar para entrar no reino: ser humilde para aceitar a Palavra de Deus como Ela é, morrer para si mesmo, sair do caminho para Deus assumir o Seu devido lugar e sofrer com paciência a todas as pressões que a vida lhe oferecer. Eles vencerão a tudo isso porque nenhum filho de Deus poderá ser frustrado.



www.doutrinadamensagem.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário